segunda-feira, novembro 24, 2008

Antes do amanhecer...

Manet - Steamboat

Nem penso mais em pão de queijo
respiro poluição
me encontro comigo
perdido
aqui nesse lugar qualquer
caipira, bobo e ralé
não sou nada

Nem devia ser

Mas, toda essa questão amigos…
é sobre o desespero
é sobre a renuncia

é sobre o pensar!

Pressinto essa dor em mim:
as certezas vivas
o fim dos paradoxos
e os fatos batendo a porta

Para me matar

A matemática da coisa
a forma correta de se entregar
a vida em segundos
em atos
curtos
competentes
cinzas

Ardentes

Infernais
versões sociais

Prestigio
poder
crescer

pra ter, meu Deus, o quê?

Como senhores, não experimentar o verdadeiro prazer?
das cores
da verdade

Da maldade

Com dúvida
com dois lados
e graça

Melhor incertezas a verdades compradas!

Agora que é tarde,
irei anoitecer.
sem donos, sem caminhos, sem pretensões
Me sobra fé no coração
"A noite é sempre um pouco mais escura antes do amanhecer..."

Ricardo F. Silva

2 comentários:

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

eu acho que nunca vou me acostumar com o que vc escreve!

♕deliriuum ƒreakyΨ disse...

porra banzo!!
porraaaa!!!
vai se fuder cara que foda.. e creio eu que na mesma onda enquanto voc~e escrevia isso!!

..melhore!